Cabos de Vela (Ignição)
2.226

visitas

Cabos de Ignição – Dicas e modelos para performance

Publicado por

  • 15 de agosto de 2014

Cabos de Ignição, também conhecidos como Cabos de Vela, tem como principal função levar a eletricidade para dentro do motor, onde existe o processo de combustão, impulsionando os pistões e dando força para o veículo andar. Ou seja, os Cabos de Vela atuam em altas temperaturas, principalmente em carros com motores preparados.

Para casos de motores preparados para arrancadas, circuitos ou mesmo de rua, os Cabos de Vela fazem um papel fundamental, que é garantir uma maior resistência evitando falhas através da alta isolação, que evita fuga de corrente e interferências eletromagnéticas. Popularmente falando, quanto maior a potência do veículo aconselha-se maior espessura do cabo e resistência em seus terminais.

Se você tem um motor original a manutenção dos Cabos de Vela é muito fácil, basta verificar o modelo do produto impresso no próprio cabo ou consultar nas auto peças informando o ano e modelo do veículo. Agora, se o motor estiver “apimentado” aconselhamos procurar um profissional da área, que entende e trabalha com motores de alta performance.

O mecânico preparador precisará analisar cada caso, imaginando as diversas situações em que o veículo enfrentará com sua nova potência. Os Cabos de Vela mais tradicionais para motores de alta performance são de 8, 8,8 e 10mm, com isolação em silicone e que aguentam altas temperaturas, ideal se ainda estiverem em conformidade com as normas da SAE International, órgão científico mundial sobre veículos automotores. As cores não importam, os cabos podem ser de várias espessuras ou cores, trazendo vários modelos entre diferentes fabricantes.

É importante saber:

Quando o motor possui falhas em baixas rotações ou aceleradas o problema pode estar ligado ao sistema de ignição, em um fenômeno conhecido como Flashover. O efeito acontece quando a corrente elétrica passa pela face externa da vela de ignição entre o pino terminal e o castelo metálico, que é a base de metal da peça.

Para identificar o Flashover, o mecânico deve avaliar o estado da Vela e dos Cabos de Ignição. O defeito deixa riscos escuros na superfície que isola a vela, onde havia passagem de corrente elétrica. Já nos Cabos de Vela, é importante observar riscos esbranquiçados na face interna do terminal da borracha, se houver, então é necessário sua substituição.

Aconselha-se também a manutenção preventiva do sistema de ignição. Cada veículo possui seu período para a troca das peças com manutenção constante, mas fala-se em trocar Cabos de Vela e Jogos de Vela a cada 10.000 quilômetros. O que pode ser diferente em motores de alta performance.

Clique aqui para pesquisar empresas que vendem Cabos de Ignição

Texto: AutoCustom – Fotos: Fina Parts Cabos de Vela

0 Total de comentários
0 Total de respostas a comentários
0 Seguidores destes comentários
 
Comentário com mais reações
Comentários mais quentes
novos antigos